Será, que um bom cozinheiro pode evitar uma consulta de médico?

Sim, um bom cozinheiro pode evitar uma consulta de médico. Esta
sabedoria chinesa antiga convida nos, pensar sobre nossos hábitos de
comer.

Nossa vida anda cada vez mais rápida e nossa alimentação está reduzida
muitas vezes em alimentação preparada industrializada e enlatada.
Muitos sofrimentos poderiamos evitar, se iamos cuidar mais a nossa alimentação.

Um bom cozinheiro pode evitar uma consulta de médico?

Trata se de uma sabedoria chinesa antiga, que nos leva na cozinha e não
só na cozinha chinesa. Mais actual no tempo de “fast-food” e da
alimentação enlatada.

O que é alimentação saudável?

Uma alimentação saudável está uma nutrição variada, em que a variedade
importa. Ninguém precisa desistir de carne, quando gosta e ninguém de
chocolate. 

A alimentação deveria consistir em:

 5%  carne ou peixe
 5% lacticínios e outros
 5%  frutas e verduras cruas
20%  verduras cozidas  e
65 % em cereaís e leguminosas.

Não estamos todos iguais!

A tabela em cima só está um ponto de referência para criar uma ideía.

Cada um de nós têm outros necessidades. Seja por causa da profissão, seja por causa da idade,
a constituição ou certas doenças que exigem uma outra alimentação.
Também a estação do ano importa e a diferença entre mulher e homem.

Podemos comparar o nosso estômago com um fogão?

Na medicina tradicional chinesa (MTC) o estômago é considerado como um
fogão, em que a alimentação vai ser preparada para a recepção do
organismo humano. Para isso precisa de calor. Na cozinha chinesa a
maioria dos alimentos se come cozidos, porque é mais fácil para
digerir.

Não queres trocar conservantes com vitaminas?

Quem diga, que cozinhar leva muito tempo, principalmente cozinhar
“saudável”? Porquê não faz as batatas fritas no forno (sem gordura)
acompanhada de salada gostosa.
Experimenta uma vez espaguete com um pesto maravilhoso.

Percebes? Não comestes tão errado

Muito importa  “como”. Assar no forno em vez fritar. Cuidar a
temperatura e não deixar assar demais. Também sabe melhor. Um grande
papél fica na quantidade mas também num horário certo e comer com calma.

Não já sabemos isso?

As ervas estão o tope. Não só porque tudo é mais saboroso, mais porque
estão simplesmente saúdavel. O ganso de natal precisa a artemisia
vulgaris (pelo menos na alemanha), não só por causa do gosto. Ervas,
como artemisia vulgaris, manjerona e comínho temperam e ajudam digerir.
Os oregões criam no molho de tomate um efeito estomacal e tonificam os
pulmões.

As temperas têm um efeito medicinal?

Muitas temperas têm um efeito medicinal. Quem gosta a cozinha
mediterana, faz algo bem para a sua conzentração e a memória, quando
usa alecrim na comida. Ele ajuda no caso de pressão baixa e harmoniza o
ventre.
O tomilho tem um efeito antiséptico, transforma mucosidade e tonifica o baço.
O salva tonifica o coração e os pulmões.

Quem gosta uma comida bem temperada, e a tempera preferida está a
manjerona para as batatas, faz no mesmo momento prevenções de
resfriados e grippe.
Enfim a salsa ajuda ao figado.

Temperas colaboram com a alimentação saudável

Quem ainda não experimentou, deveria começar.
E – muitas temperas deixam se preparar como chá.